Pular para o conteúdo

Estudo internacional testa novo medicamento contra malária no AM

06/05/2014

Fonte: G1 – 05/05/2014

Uma nova droga destinada ao tratamento da malária, a Tafenoquina, começou a ser testada pela Fundação de Medicina Tropical Doutora Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD)

Uma nova droga destinada ao tratamento da malária, a Tafenoquina, começou a ser testada pela Fundação de Medicina Tropical Doutora Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD)

Uma nova droga destinada ao tratamento da malária, a Tafenoquina, começou a ser testada pela Fundação de Medicina Tropical Doutora Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD), em Manaus, desde o dia 25 de abril. O objetivo é avaliar a eficiência do medicamento que, se comprovada, deverá ser adotado pelo Ministério da Saúde. O teste deve durar um ano.

Segundo a diretora da FMT-HVD, Graça Alecrim, o uso do novo medicamento reduz o tempo de tratamento do paciente de sete para apenas um dia. Atualmente o tratamento da malária é feito com a terapia combinada de dois antimaláricos (cloroquina e a primaquina). A diretora esclarece que, se os resultados do ensaio clínico atestarem a eficiência da Tafenoquina, essa substância deverá substituir a Primaquina.

O teste faz parte de um estudo clínico de cooperação internacional, que tem participação de centros de pesquisa do Brasil, Peru, Índia, Bangladesh e Tailândia. Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (Susam), a fundação é a primeira a testar o medicamento em seres humanos dentre as instituições envolvidas no estudo. Aida de acordo com a FMT-HVD, os países envolvidos têm grande interesse no estudo em virtude da alta incidência da doença nestes locais.

No Brasil, além da Fundação de Medicina Tropical, o projeto conta também com a participação da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) de Porto Velho (RO). O ensaio é encabeçado pelas empresas Medicines for Malaria Venture (MMV) e Glaxo Smith Kline (GSK), que são financiadas pela Fundação Bill & Melinda Gates.

O teste em humanos teve início na sexta-feira (25) e deve durar cerca de um ano, no total, incluindo os seis meses de uso da nova droga e outros seis meses de acompanhamento clínico desses pacientes. O medicamento será testado inicialmente em 100 pacientes.

A FMT-HVD é referência em pesquisa e nas áreas de diagnóstico e tratamento de doenças infectoparasitárias e tropicais, como malária, no país e internacionalmente. A participação no estudo fortalece o caráter estratégico que o órgão assumiu nas últimas quatro décadas, no cenário da pesquisa internacional. A instituição tem sido também centro de referência para estudos encomendados pelo Ministério da Saúde, com foco em malária e outras doenças.

No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: